Barra de vídeo

Loading...

sexta-feira, 6 de maio de 2016

Veja 5 filmes de Corman inspirados em Poe e com Vincent Price

the-raven_2163547b
A obra de Edgar Allan Poe foi imortalizada pelo cinema, e uma das maiores contribuições para isso foi a realização dos filmes do diretor Roger Corman, estrelados pelo lendário Vincent Price na década de sessenta. Nesses filmes, Price geralmente interpreta um dos protagonistas dos contos, como Roderick Usher, Fortunato ou o Príncipe Próspero, ou também personagens criados para o cinema, em obras como O Corvo (The Raven, 1963), em que o roteiro é bastante diferente da obra original de Poe, mantendo algumas semelhanças, como a referência da presença do corvo e a atmosfera.
Aliás, atmosfera é uma palavra-chave para descrever os filmes de Corman e Price baseados na obras de Poe. Apesar de conhecidos como filmes de terror, esses filmes pouco têm de realmente assustadores para o público dos dias de hoje, mas enfatizam na construção de uma atmosfera sombria, muito similar àquela provavelmente imaginada pelos leitores ao ler os contos de Poe, e geralmente focam bem mais na atmosfera gótica do que em outros elementos da ficção de Poe, fator este que colaborou par a construção da imagem de Poe como um escritor de terror, quando sabemos que ele escreveu vários outros gêneros, como ficção científica, mistério, poesia e crítica literária. Além da construção da atmosfera sombria, os filmes de Corman também têm um leve toque de humor, grandiosamente desempenhado principalmente pela carismática atuação de Vincent Price.
Os enredos da maioria desses filmes desviam das histórias originais de Poe em alguns pontos e aumentam as narrativas, acrescentando personagens e acontecimentos, o que é bem compreensível quando se trata de um filme de mais de uma hora baseado em um conto de poucas páginas. No entanto, tais modificações não prejudicam a experiência de ver uma adaptação da obra de Poe para o cinema, pois as adaptações são livremente inspiradas na obra do autor, e encontrar as referências mais diretas pode ser uma atividade interessante para os leitores do autor. Os filmes trazem cenários, figurinos e trilhas sonoras magistrais, além de contarem com a presença carismática de Vincent Price, com suas atuações magníficas e inesquecíveis, uma hora como uma vítima atormentada, outra como um vilão maligno, mas sempre adorado pelo público.
Enfim, os filmes de Roger Corman estrelando Vincent Price, baseados na obra de Poe, fizeram tanto sucesso que são conhecidos como o “Ciclo de Poe” na obra de Roger Corman, prolífico diretor também de outros clássicos como A Loja dos Horrores (The Little Shop of Horrors, 1960). Confira abaixo uma lista com cinco dos clássicos filmes de Corman estrelando Price, inspirados nos escritos de Edgar Allan Poe.
O Solar Maldito (The Fall of the House of Usher) – 1960
Neste filme, Vincent Price vive Roderick Usher, irmão de Madeline Usher. A grande diferença deste filme e do conto é que o narrador do conto que visita a casa de Usher aqui é um personagem chamado Philip, noivo de Madeline, não simplesmente amigo de Roderick. Os dois acabam em conflito, pois Philip teme que Roderick tenha enterrado sua noiva viva.
Com cenários deslumbrantes, este filme apresenta uma casa de Usher elegantemente mórbida e um Roderick Usher único como só Price poderia representar (apesar de a inclusão de um romance no roteiro soar um pouco desnecessária, mas isso até é compreensível, pois é um elemento que torna o filme mais popular). Veja abaixo o trailer e tire suas próprias conclusões.
O Poço e o Pêndulo (The Pit and the Pendulum) – 1961
Não assista a este filme pensando em ver uma versão do conto de Poe no cinema, veja como uma obra bem livremente inspirada nas idéias do autor, mas com uma história própria. O enredo envolve elementos de outros contos de Poe, como uma personagem que pode ter sido enterrada viva, para chegar então à fatídica cena do pêndulo, por meio da introdução de um personagem que é filho de um torturador da inquisição espanhola chamado Nicholas Medina, o qual, aliás, é esplendidamente interpretado por Vincent Price, cuja atuação é o ponto mais alto desse filme. Os cenários são, mais uma vez, admiráveis, e contam até com uma câmara de tortura no subsolo, a qual o personagem de Price apresenta, exibindo sorrisos sádicos. Veja o trailer abaixo.
               
Muralhas do Pavor (Tales of Terror) – 1962
                Com um roteiro mais fiel aos contos de Poe, esse filme é dividido em três histórias, adaptações de diferentes contos do autor: Morella, O Gato Preto (misturado com O Barril de Amontillado) e O Estranho Caso de M. Valdemar. Por haver uma mistura de dois contos em uma história, fica claro já que, apesar de ser mais fiel aos contos de Poe do que outros filmes dessa lista, ainda há diversas alterações nas narrativas, pois se trata de uma adaptação. Vincent Price protagoniza as três histórias e narra o início de cada parte do filme. Uma dos melhores adaptações de Poe para o cinema, imperdível para os leitores do autor. Veja o trailer abaixo.
               
O Corvo (The Raven) – 1963
Neste filme, o corvo que visita o protagonista, Dr. Craven (personagem de Vincent Price), é na verdade um mágico (personagem de Peter Lorre) que foi transformado em corvo por um feiticeiro maligno chamado Scarabus (personagem de Boris Karloff), e precisa da ajuda de Dr. Craven para voltar à sua forma humana. O corvo também diz ao Dr. Craven que a esposa dele, Lenore, a qual ele acreditava estar morta, está com o feiticeiro Scarabus. Uma adaptação interessante do poema de Poe em forma de história de fantasia. Veja o trailer abaixo.
A Orgia da Morte (The Masque of the Red Death) – 1964
Talvez a adaptação mais fiel ao conto no qual se baseia. Neste filme vemos Vincent Price como o Príncipe Próspero vivenciando os terrores de uma cidade tomada pela praga, e um ser desconhecido adentrando seu luxuoso castelo, onde ele e seus convidados se refugiavam da epidemia. Apesar de acrescentar mais personagens que interagem com Próspero, o roteiro segue com um bom foco o tema do conto e apresenta uma fotografia deslumbrante, com efeitos de cores que marcam o estilo único e surreal desta obra. A atmosfera de conto gótico continua presente, assim como em todos os filmes deste ciclo, no entanto, este é considerado por muitos como o ponto alto do ciclo de Poe na obra de Roger Corman. Essencial para todo leitor de Poe e/ou fã de filmes de terror/sombrios. Veja o trailer abaixo.

Então, assistiu a algum dos filmes da lista? Comente contando qual o seu favorito ou se faltou algum filme que você considere essencial para essa lista!
SOBRE O AUTOR

Bacharel em Letras pela UFRGS, escritora, tradutora, coeditora do Literatortura, colaboradora do Indique um Livro, colunista e conselheira editorial da revista online Conexão Literatura. Adora literatura clássica, de terror e fantástica, poesia e filmes de terror. Participou das antologias "Estrada para o Inferno", da editora Argonautas, "Horas Sombrias", "Legado de Sangue" e "King Edgar Hotel" da editora Andross e "Quatro Estações" da editora Multifoco, e às vezes escreve coisas com mais sangue do que sentido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário