Barra de vídeo

Loading...

domingo, 2 de julho de 2017

Melhores de 2016: Atriz

.
Exibido em competição no Festival de Cannes de 2016 sem registrar nenhuma vitória, “Elle” parecia destinado a ser alvo de controvérsia, com a sua chegada em mercados que não digeriram bem uma premissa que inicia com uma protagonista aparentemente indiferente ao estupro do qual acabou de ser vítima. Acima de todas as críticas, estava o trabalho de Isabelle Huppert, que compreendeu a recepção da obra ao mesmo tempo em que afirmava acreditar em sua integridade.
Foi uma bela temporada de premiações para a veterana atriz de 64 anos, conhecida como a Meryl Streep da França – pode-se dizer que a comparação fosse mais correta caso estivesse ao contrário. Desde que venceu o independente Gotham Awards de Melhor Atriz, estava claro que Huppert trilharia um caminho cujo ápice se daria com uma nomeação ao Oscar. Todo o reconhecimento em um curto período de tempo serviu mais como uma celebração tardia de uma carreira com mais de 120 créditos como intérprete, tendo ela em “Elle” a oportunidade de concentrar em sua Michèle Leblanc todo o poder de seu talento. Como nomearam os novos fãs que ganhou no Brasil, Isabelle Huppert é a proprietária da Europa.
.

Nenhum comentário:

Postar um comentário