Barra de vídeo

Loading...

quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

35 anos da morte de John Lennon

É com enorme tristeza que escrevo esse texto. Não estava aqui para saber como foi, eu nem havia nascido, mas a cada ano que passa e vejo as notícias nesse dia 8 de dezembro consigo imaginar como o mundo parou há 35 anos atrás.
Não falo isso por ser um grande fã dos Beatles e nem por acreditar na ideologia de Lennon, mas por admirar o seu legado, aquilo que ele fez e deixou de bom para o mundo: suas palavras, seus versos.
Hoje (08/12/2015) a cidade de Nova York prestou homenagem ao grande músico que foi assassinado em 1980, fãs fizeram pedidos de paz e Yoko Ono, viúva do cantor, fez campanha contra armas nas redes sociais, segundo ela, mais de 1,1 milhão de pessoas morreram nos Estados Unidos vítimas de armas de fogo desde a morte de Lennon.
John Lennon morreu ao chegar no icônico edifício Dakota onde morava em Nova York. Seu assassino chama-se Mark David Chapman, que disse ter “ouvido vozes” que lhe deram a ordem de cometer o crime. Ele cumpre pena de 34 anos a prisão perpétua no presídio Attica, no próprio estado de Nova York.
lennon dakotaRest in peace, Lennon.
Imagine all the people
Living life in peace.

Nenhum comentário:

Postar um comentário