Barra de vídeo

Loading...

segunda-feira, 19 de outubro de 2015

LIVRO - Revivente (Resenha)

Ele, mesmo sem saber onde está ou melhor em quando está, resolve que dessa vez não vai cair na rotina chata que ele já teve e começa a arriscar mais e começa a usar a vantagem de já ter estado no “futuro” uma vez pra crescer na vida.
Em um dos momentos da história e uma das vidas, ele descobre uma coisa muito fantástica e isso desenvolve a história. Por que até a página 100, ele só tá curtindo a vida mesmo haha. Depois dessa descoberta que nós vemos qual o ponto da leitura.
Por esse motivo, a leitura só começa a ser mais rápida da página 100 em diante, pois o início, pelo menos pra mim foi mais lento. Mas não se preocupe com isso, não é nada que acabe com a leitura, só não desista das primeiras páginas, ok?
A escrita do autor é fluída e no livro são citados diversos eventos históricos (a-m-o), mas claro que existem muitos nomes na história e você precisa ficar atento. A narrativa é em terceira pessoa. Os capítulos são iniciados de forma simples. Eu amei e odiei Jeff em vários momentos da história. Ele acaba se perdendo um pouco nas vidas que tem e se esquece de fazer a única coisa que precisa: VIVER. Isso me irritava bastante, mas ok! haha
Durante a leitura, vemos 4 pontos importantes que se linkam no final que desejavam mudar um pouco o rumo das coisas na humanidade, maaaas… O final? a-m-a-z-i-n-g! E o autor não deixou pontas soltas! Graças! 😀
Quero um minuto para admirarmos esse trabalho gráfico da capa. Essas cores, ela chama tanta atenção <3 E o fato de cada relógio estar em um horário faz m.u.i.t.o sentido, se liguem nisso!
Eu gostei muito dessa leitura e apesar de não ter sido favoritado, foi um excelente livro. Dei quatro estrelas por motivos de início mais lento. Só que eu fico feliz de não ter desistido haha.
Então, foi isso! E vocês, o que acharam de Revivente?
9.1MUITO BOM

Nenhum comentário:

Postar um comentário