Barra de vídeo

Loading...

sábado, 5 de setembro de 2015

“Shining in the Dark”: 67 anos brilhando na escuridão! (Documentário)

brilhandonaescuridao
Longos dias e belas noites Leitores Constantes! Dia 21 de Setembro , como os fãs mais atenciosos já devem saber, é aniversário do nosso saudoso autor favorito.Stephen King completará 68 anos (a maior parte deles dedicados à nobre arte da escrita) e para comemorar, nada melhor do que sabermos um pouco mais sobre a vida deste que, mesmo após tanto tempo no ramo, continua sendo um dos autores mais prolíficos e de maior sucesso da atualidade.
01
Como a maioria dos fãs deve saber, junto com a fama de Steve vieram alguns problemas relacionados à falta de privacidade que ser um escritor famoso trás. Graças a esses problemas, Steve se tornou, com o passar do tempo, um autor relativamente recluso, que dá cada vez menos entrevistas e que praticamente não sai dos EUA. Devido a isso, o material biográfico que temos do autor se resume basicamente a “On Writing” e algumas biografias não autorizadas (entre elas o ótimo livro “Coração Assombrado” de Lisa Rokag, do qual já falamos anteriormente aqui). Porém, em 1999 a BBC e o diretor David Stewart nos presentearam com o ótimo documentário “Stephen King: Shining in the Dark”. Nele alguns dos principais nomes relacionados ao trabalho de Stephen King (Frank Darabont, Mick Garris, Peter Straub, Chuck Verrill, entre outros…), além do próprio Steve, falam um pouco mais sobre diversos temas, como o início da carreira, a luta contra o alcoolismo, as pressões de ser um autor de sucesso e muito mais.
02
Com a ajuda dos nossos amigos Alexandre Koenig de Freitas e Mariana Fontana Szewkies do blog www.alemdacontracapa.blogspot.com na tradução (e deste mero mortal que vos fala, nas revisão e legendas), é com muito orgulho que trazemos pela primeira vez o documentário legendado em português, para os fãs brasileiros. Esperamos que gostem do presente e divirtam-se conhecendo um pouco mais sobre Stephen King e seu fascinante universo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário